Arquivo da categoria: Dicas

Melhor blog de Atividades de Alfabetização

Visitem o Blog WWW.ATIVIDADESPNAIC.COM

Este é, com certeza, o melhor blog de atividades de Alfabetização que você vai encontrar.

atividades de alfabetização para imprimir ,
atividades para alfabetização para imprimir ,
atividade de alfabetização para imprimir ,
atividades de alfabetização para imprimir gratis ,
atividades alfabetização para imprimir ,
atividades alfabetização imprimir ,
atividades para imprimir alfabetização ,
atividades de alfabetização para imprimir 2 ano ,
atividades para imprimir de alfabetização ,
atividades de alfabetização e letramento para imprimir ,
atividade alfabetização para imprimir ,
atividades educativas alfabetização para imprimir ,
atividade para alfabetização para imprimir ,
atividades para alfabetização para imprimir gratis ,
atividades eja alfabetização para imprimir ,
Anúncios

Eu Sou Ciumento?

Essa é uma pergunta que todos deveriam se fazer . Andei verificando o que significava ciúme no Dicionário Aurélio, diz o seguinte:

“ Sentimento doloroso que as exigências de um amor inquieto, o desejo de posse da pessoa amada, a suspeita ou a certeza de sua infidelidade fazem nascer em alguém; “

Parei por aí .

É muito sério isso gente. Como um cristão pode ser ciumento ? Como um marido ou esposa pode ser ciumento (a) ?

Gálatas 5:19-21

Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza, a lascívia, a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as facções, as dissensões, os partidos, as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas, contra as quais vos previno, como já antes vos preveni, que os que tais coisas praticam não herdarão o reino de Deus.

Tiago 3:16

Porque onde há ciúme e sentimento faccioso, aí há confusão e toda obra má.

I Coríntios 13: 4-7

O amor é sofredor, é benigno; o amor não arde em ciúmes; o amor não se vangloria, não se ensoberbece, não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal; não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

Fico imaginando, o quanto deve ser difícil para um homem ou uma mulher sofrer por ciúmes. Mas, e o cristão! Porque tem ciúmes ? Porque o amor não sobressai sobre o ciúme ? Porque existe tanta insegurança em uma relação ? Não consigo imaginar como alguém que ama, que leva Deus a sério, que realmente crê nas promessas da Palavra pode ser ciumento.

A Palavra diz:

Efésios 5: 22-30

Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao SENHOR; 23 Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo. 24 De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos. 25 Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, 26 Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra, 27 Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível. 28 Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. 29 Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne; antes a alimenta e sustenta, como também o Senhor à igreja; 30 Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos. 31 Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne.

Como alguém pode ser uma só carne e ter ciúmes ?

O ser uma só carne é ser um em tudo ! É ser uma só carne, uma só mente e um só coração. Como pode ser isso . O corpo físico é um do outro, seus pensamentos são um para o outro, assim como seus corações. O amor entre um homem e uma mulher, no Senhor, é isso.

As necessidades físicas, sexuais, devem ser satisfeitas um com o outro, os seus desejos, seus pensamentos devem ser em fazer o outro feliz, o seu coração deve amar seu cônjuge acima de tudo e de todos, só abaixo do seu amor pela Trindade (Pai, Filho e Espírito Santo).

Como pode amar alguém e desconfiar dessa pessoa ?

No verso 25, de Efésios 5, citado anteriormente diz que devemos amar nossa esposa, como Cristo amou a igreja, e a si mesmo entregou por ela.

O mesmo se diz para as mulheres que devem estar sujeitas a seus maridos em tudo.

No Aurélio, desconfiar significa :

Supor, julgar, não ter confiança, suspeitar, duvidar, entre outras definições.

Como um cristão que leva a sério a Palavra, pode não confiar no seu cônjuge? Aonde está o amor verdadeiro ?

Julgar no Aurélio é Decidir como juiz ou árbitro; sentenciar, imaginar, conjeturar, formar opinião sobre, avaliar.

Em Hebreus 13:4 diz :

Honrado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; pois aos devassos e adúlteros, Deus os julgará.

O ciúme não leva as pessoas ao crescimento, a alegria, ao amadurecimento, mas leva ao sofrimento, a dor, a desconfiança, ao desentendimento.

Quantos casamentos se abalam quando existe o ciúme.

Confiar é segundo o Aurélio : Ter confiança; ter fé; esperar, acreditar. pôr confiança, esperança (em alguém ou em alguma coisa), confidenciar.

Quem confidencia sua vida, seus pensamentos, seus desejos, seus sentimentos com alguém a quem não confia? Quem não confia, fica desesperado com atrasos, com amizades, suspeita de tudo e de todos.

Conta-se que uma linda e simpática mulher, carismática, atraente aos olhos das pessoas, porque seu sorriso era encantador, sua voz transmitia paz, segurança, alegria em viver, era casada com um homem muito ciumento, mas que nunca demonstrava para ela esse ciúme que sentia dela, ele sofria por dentro.

Por muitas vezes ele ardia em ciúmes, só por ver sua esposa conversando com muitas pessoas, sempre rodeada de amigas e amigos, pessoas que gostavam muito da amizade dela, porque sempre tinha uma palavra de conforto, de incentivo, de alegria, sempre mostrava o lado bom das coisas.

Um dia, morrendo de ciúmes, ele começou a seguir sua esposa, ouvir atrás da porta suas conversas ao telefone, revirar sua bolsa enquanto ela dormia a procura de alguma coisa que a delatasse, nunca encontrava nada.

Certo dia, ouviu meia conversa de sua esposa com outra pessoa, sobre o encontro na casa dessa pessoa, no início da noite. O marido, ardendo em ciúmes, ficou atento aos movimentos de sua esposa naquele dia, tudo parecia muito suspeito, ela fazia muitas ligações de seu celular, querendo esconder alguma coisa, falava em tom um pouco mais baixo do que de costume, era muito estranha a atitude dela naquele dia.

Ele a estava seguindo, mas por um problema no trânsito, perdeu sua esposa de vista, ficou irado, furioso. Tentou ligar para o celular dela e só dava ocupado, ou fora de área. O que será que ela estava fazendo, com quem ela estava naquele momento.

Aí recebeu uma mensagem pelo celular dizendo “ me pegue as 19:00 horas em tal endereço “. Ele olhou no relógio, faltavam ainda alguns minutos, correu desesperado até o endereço dado, pensando muita bobagem pelo caminho, até que chegou em frente a casa cujo endereço ela tinha dado, estava tudo meio escuro, apenas uma pequena claridade em uma das janelas, a cortina estava fechada, uma pequena sombra movimentava-se, talvez ela estivesse lá, com alguém, e não suspeitasse que ele viria mais cedo. Ele como um raio abriu a porta e precipitou-se para dentro da casa, na escuridão, batendo-se pelos móveis, fazendo um barulho enorme, quando num repente a luz se acendeu, a casa estava lotada de amigos, colegas de trabalho, parentes e sua linda esposa, cantando para ele …parabéns prá você…..

É de se imaginar a cara que ele ficou quando se deparou com aquele cena.

Isso é apenas uma estória, mas ilustra muito bem o que o ciúme pode fazer com uma pessoa.

Se vocês levam Deus a sério, não deixem o inimigo colocar barreiras entre você e seu cônjuge, rejeite qualquer atitude que está fora da Palavra. Lembre-se do que diz em Romanos 13 : 9-10,

Com efeito: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não darás falso testemunho, não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor.

Ou o que diz em Gálatas 5:22:

Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.

Conclusão:

Vale a pena ser ciumento? Vale a pena viver uma vida de desconfiança, suspeitando de coisas irreais sobre seu cônjuge ? Vale a pena viver fora da Palavra ?

Por Paulo de Abreu Marcondes
Igreja Batista do Bacacheri – Curitiba/PR

Fonte:
Webservo
http://www.webservos.com.br
webservo@webservos.com.br

70 Peças de Teatro Cristão

As peças de teatro evangélicos que são encenadas nas atividades de igrejas, como cultos, impactos missionários, programações de crianças jovens e até de idosos, podem variar das mais simples esquetes, até grandes encenações.

O uso das peças de Teatro evangélico, para espalhar a mensagem de Deus tem sido bastante usada, e com certeza é uma ferramenta importante na prática de serviço do reino através de seus dons e talentos. Caso você queira inspiração para escrever sua própria peça, pode se inspirar em muitas peças que estão disponibilizadas na internet.

  1. Um Pai Cristão
  2. Teatro I´m the light
  3. Teatro Não Toque
  4. Teatro O CARRO
  5. Teatro O Palhaço
  6. Teatro A Epidemia Do Não Posso
  7. Teatro O Morto vivo
  8. Teatro Máscaras
  9. Teatro A RIVALIDADE
  10. Teatro PECADO VIRTUAL
  11. Teatro EXPRESSÃO VOCAL
  12. Teatro CORDEL DO APRENDIZ
  13. Teatro Exercício para Teatro
  14. Teatro A Escolha
  15. Teatro O Passaporte
  16. Teatro Deus Existe?
  17. Teatro Os Desaparecidos
  18. Teatro CADEIA DAS DROGAS
  19. Teatro Missões com alegria
  20. Teatro As 7 igrejas
  21. Teatro Leilão de uma alma
  22. Teatro A voz do ator
  23. Teatro Ensaio de ajuste geral
  24. Teatro A importância da seleção de um elenco
  25. Teatro Como é a sua alma?
  26. Teatro A Armadura de Deus
  27. Teatro O Sentido da Vida
  28. Teatro A Renúncia Total
  29. Teatro Natal
  30. Teatro Dupla face
  31. Teatro A Igreja Doente
  32. Teatro O DESERTO
  33. Teatro A Oração
  34. Teatro A Escolha
  35. Teatro Testemunhos
  36. Teatro O Arrebatamento
  37. Teatro O Bom Tesouro
  38. Teatro A vitória
  39. Teatro Lázaro
  40. Teatro A Mão Estendida
  41. Teatro Neo Engano
  42. Teatro A Desobediência
  43. Teatro Parábolas
  44. Teatro Ano Novo
  45. Teatro Espelhos Mágicos
  46. Teatro Ganhei uma Alma para Cristo
  47. Teatro A máquina de fazer verdade
  48. Teatro A Nova Era
  49. Teatro A Paixão de Cristo
  50. Teatro Saqueadores do reino
  51. Teatro O rei e eu
  52. Teatro Nascimento de Jesus
  53. Teatro As Sandálias do Velho Sapateiro
  54. Teatro Uma páscoa especial
  55. Teatro O homem certo
  56. Teatro O resgate de outro soldado
  57. Teatro Camila, a pequena abandonada
  58. Teatro Mãos vazias
  59. Teatro Dicas para indumentária
  60. Teatro Amadores Apaixonados
  61. Teatro Esquete – Olhe para Cristo
  62. Teatro Coração Fedorento (infantil)
  63. Teatro Coragem para servir
  64. Teatro Bíblia – Jogral interpretativo
  65. Teatro A chamada
  66. Teatro A mão estendida
  67. Teatro Não toque!
  68. Teatro Onde está a paz?
  69. Teatro A Última Páscoa

Teatro O Quarto

Estudo sobre Ministério de Louvor

 

Vamos começar vendo algumas definições importantes que irão nos auxiliar no desenvolvimento deste estudo:

DEFINIÇÕES

Louvor – De acordo com a Bíblia, o louvor está associado com a ideia de agradecimento, elogio, glorificação, exaltação, por aquilo que Deus faz (fez) em nossa vida ou na dos outros. (Sl. 145:4; Sl. 147:12-13; Is. 25:01; Lc. 19:37), ou seja, nós louvamos a Deus por Suas obras, bênçãos, curas, livramentos, perdão, graça, amor, misericórdia, cuidado, etc. Contudo, o motivo principal do louvor é a Salvação em Cristo.

Adoração – De acordo com a Bíblia, a adoração está associado com a ideia de culto, reverência, veneração, por aquilo que Deus é (Santo, Justo, Amoroso, Soberano, Misericordioso, etc…). (Sl.96:9; Ap. 4:8-11; Ap. 7:11-12; Ap. 11:16-17), ou seja, independente do que Deus faz, fez ou fará, nós devemos adorá-lo, pois, Ele é Deus.

Tanto o louvor quanto a adoração, devem estar presente em tudo o que fizermos. Eles devem ser manifestados no falar, pensar, vestir, trabalhar, estudar, orar, cantar, etc. Porém, nos cultos da igreja atual, a forma mais popular de louvar e adorar é por meio de cânticos e hinos (Louvor cantado).

Louvor Congregacional – Esta expressão se refere ao louvor cantado, prestado pelas pessoas quando estão reunidas.

Ministério – A palavra ministério vem do grego “Diakonia” que significa serviço. As vezes a palavra ministério é exemplificada pela palavra grega “Doulos” que quer dizer escravos(servos). Independente da forma que a palavra ministério seja exemplificada, ela sempre está associada a serviço. Todos os crentes são chamados para desempenhar algum tipo de ministério(serviço) dentro do corpo de Cristo, porém, nem todos executam o mesmo ministério(serviço) (Ef. 4:11-12). Qualquer que seja o tipo de ministério(serviço) que se exerça, ele deve estar intimamente ligado a vocação(talento) para que se obtenha um melhor resultado na sua execução. Todos os ministérios(serviços) são importantes, não existe um ministério(serviço) que seja completo e não precise do outro(I Co. 12:4-31). Todo ministério(serviço) requer amor, compromisso, dedicação, preparação, santidade, esforço, constância, renúncia e caráter.

Ministrar significa servir.

Ministros de Louvor – Considerando que a Ministração(serviço) não é algo realizado individualmente, podemos considerar então que Ministros de louvor são todos aqueles que estão envolvidos, direta ou indiretamente, na ministração do louvor (instrumentistas, cantores, operadores/montadores de som, operadores de retroprojetor, e outras funções ligadas à área). Ministros de louvor são aqueles que servem a igreja na área de música.

Levitas – Os levitas eram as pessoas que pertenciam a tribo de levi. A tribo de levi foi separada exclusivamente para o serviço do senhor (Dt. 18:5). Os levitas eram encarregados pela guarda (Nm 1:53), pela administração (Nm 1:50) e pelo cuidado do tabernáculo bem como por todos os utensílios da tenda da congregação (Nm 1:50). Eles também tinham como função ministrar (servir) todo o povo de Israel (Nm 3:7-8). No reinado de Davi, os levitas foram designados para dirigir o canto e para utilizarem instrumentos musicais na casa do Senhor para louva-lo e adora-lo (I Cr. 6:31-32, I Cr. 15:16).

Música – A música é considerada uma arte funcional, isto é, uma arte que tem uma finalidade prática e importante: servir de veículo de expressões humanas. A música é usada para anunciar produtos (comércio), revelar emoções (alegria, romantismo, etc.) e outras ações de comunicação, porém, a função mais importante da música em qualquer cultura (sociedade) é de servir de apoio ao seu sistema de valores, sejam eles políticos, sociais ou religiosos. Em nosso caso, não podemos ignorar o poder da música na transmissão e consolidação de mensagens durante os cultos, encontros, acampamentos, etc., pois, ela reforça e facilita a memorização das mensagens. Além do mais, a música torna muito agradável a maneira de expressarmos o nosso louvor e a nossa adoração a Deus. A música na igreja também dever ser encarada como arte funcional e julgada pela maneira como ela cumpre ou não a sua melhor função. A música na igreja deve ser uma arte dedicada ao serviço de Deus, à edificação da igreja e ao louvor e a adoração ao Senhor.

O Grupo de louvor – Formado por músicos e cantores cristãos(ministros de louvor), o grupo de louvor é, antes de tudo, um ministério(serviço) dedicado ao louvor e a adoração a Deus, ou seja, sua função principal é louvar e a adorar a Deus através de música e canto. Porém, além de tocar e cantar ao Senhor, o grupo de louvor tem a tarefa de conduzir a igreja a louvar e a adorar a Deus.

Para conduzir o povo a louvar e a adorar é necessário em primeiro lugar ter chamado e dom para desempenhar esse ministério. Em segundo lugar é necessário consagração (dedicação). Outra exigência é preparação, tanto técnica como espiritual. Por fim, é necessário ser um adorador, ou seja, nós nunca podemos conduzir alguém para um lugar onde nunca fomos, ou seja, um grupo de louvor que não adora não pode levar outros a adorarem.

O objetivo principal do grupo de louvor é glorificar a Deus, ser canal de benção, e ministrar a igreja.

…Glorificar a Deus… Significa refletir o que Deus é, ou seja, é mostrar as Suas Virtudes(qualidades), como o Seu amor, misericórdia, bondade, paciência, soberania, perdão, etc. Glorificar a Deus é permitir que através de nós, Deus se faça conhecido. Glorificar a Deus não é aumentar a Sua glória , é fazê-la conhecida.

Apesar da Gloria de Deus se fazer conhecida através dos Seus poderosos feitos na história, através da natureza (Sl. 19:1) como também através de toda a Sua criação, Deus tem um prazer especial em ver a Sua glória sendo refletida(se fazendo conhecida) através do homem, que é a coroa da criação.

Para o crente, glorificar a Deus está intimamente ligado a santificação pessoal. Santificação é a transformação do crente na imagem de Cristo (Rm. 8:29, II Co. 3:18, Cl. 3:10). A santificação é um processo que ocorre pela constante ação do Espírito Santo (Rm 8:11), que procura produzir no crente as mesmas qualidades morais encontradas na vida de Jesus, e, ao mesmo tempo depende também da contínua luta do crente contra o pecado, que procura dominar os desejos da carne (Gl. 5:19-21), e busca viver uma vida igual a de Jesus (I Pe 2:21). Santificação é crescimento. Santificação é real transformação, não mera aparência.

Os Integrantes do Grupo de louvor devem se empenhar por viver em santificação, pois desta forma, vamos nos amoldando cada vez mais a imagem de Cristo, e a glória de Deus vai se fazendo conhecida ao mundo, através de nós.

…Ser Canal de Benção… Benção é uma dádiva recebida de Deus. Ela faz parte da manifestação da graça de Deus. As pessoas são abençoadas por Deus através de nós. Ser canal de benção é ser aquele que conduz as bênçãos de Deus para os outros. Ser canal de benção é ser um instrumento nas mãos de Deus. Ser canal de benção é ser aquele que com o seu exemplo de vida, edifica, fortalece e sustenta as pessoas. Deus nos colocou um ao lado do outro para que sejamos bênçãos uns para os outros, sendo pedra de passagem e não pedra de tropeço. Trazendo unidade e não divisão. Ser canal de benção é um dever de todos os integrantes do grupo de louvor.

Ser canal de benção também está intimamente ligado santificação pessoal. Visto que a nossa santidade serve para cooperar com plano de Deus, uma vez que, Ele procura fazer parceria apenas com pessoas integras(santas), em seus planos. Sendo assim, nós devemos buscar viver em santificação para que Deus faça de nós um canal de benção para o mundo.

…Ministrar a igreja… A função básica de todo ministério é servir (ministrar) as pessoas. No caso do grupo de louvor, não é diferente, sua tarefa básica, é servir (ministrar) as pessoas levando-as a presença de Deus em louvor e adoração. Porém, durante a ministração do louvor, além de conduzir o povo a louvar e a adorar a Deus, o grupo de louvor tem a responsabilidade de ensinar esse povo a viver com Deus. Nossa tarefa é fazer da hora do louvor e da adoração, não apenas um momento onde levamos as pessoas a expressar o seu amor e a sua gratidão a Deus, mas um momento onde ensinamos essas pessoas que não pode haver separação entre vida religiosa e vida diária, que o culto a Deus deve ser prestado a cada momento de nosso viver, e, que o nosso louvor e a nossa adoração é muito mais do que uma forma de expressão ao Senhor. É um estilo de vida. É fruto da nossa comunhão com Deus.

Ensinar a igreja a viver com Deus, é sem dúvida, um dos papeis mais importantes a serem desempenhados pelo grupo de louvor durante a ministração do louvor. Ensinar a igreja a viver com Deus está intimamente ligado a nossa intimidade com Ele (oração, Leitura da palavra e fé).

É importante nunca cairmos no erro de pensar que as “tarefas” que realizamos para o senhor são mais importantes que Ele mesmo. Nossa prioridade é estar com Ele, é conhecê-lo, e, é isso que devemos ensinar para a igreja, e é isso que devemos buscar diariamente: “Viver com Deus”.

Dicas Importantes
a) O grupo de louvor deve viver aquilo que ele canta.

b) É muito importante que pastor e grupo de louvor estejam sempre em perfeita sintonia.

c) O grupo de louvor deve fazer constantes reuniões de planejamento e coordenação para trocar experiências, levantar problemas e a solução dos mesmos.

Por enquanto é só!

Editado… Texto Original por M. Giovani Bianchini, ministro de Louvor da IPB Central de São Carlos – SP

Wallpapers Rede Super de TV – Igreja Batista Lagoinha

Assista a Rede Super de TV – Igreja Batista Lagoinha no site http://redesuper.com.br/assista-online/

Atividades Bíblicas Infantis

A trombeta vai soar, um alarido vai surgir, muitos vão se prostrar, não adianta mais fugir…

Sempre que ouço esta música, e assisto ao vídeo postado abaixo, eu fico imaginando como será o Grande Dia, e nessa hora me vem a mente, que muitas pessoas não acreditam que isso realmente acontecerá e estão vagando por aí, há também outras que estão sedenta por ouvir a Palavra de Deus, mas estamos vivendo no tempo de uma geração que deveria se preocupar em levar a Mensagem do Evangelho, em levar a Mensagem de Paz e Salvação, mas esta geração tem se preocupado com outras coisas passageiras, coisas terrenas; algumas Igrejas têm levado a nossa imagem à ruína, ensinando o que não se deve ser ensinado, colhendo o que não deve ser colhido, mas eu sei que chegaremos ao dia em que o Senhor julgará a todos e todas, e os falsos profetas agora se calarão e para eles haverá o fogo eterno…

Assistam ao vídeo “Relato dos que ficaram” da Banda Mensageiros da Profecia:

Dicas de Livros: Hebreus

O livro Hebreus (James Reapsome) da Shedd Publicações trás 13 estudos sobre a carta de Hebreus para grupos de estudo.

Sinopse do livro Hebreus

“Um fato nítido a respeito dos destinatários da carta é o perigo espiritual. Eles estavam sob o risco de retornar ao judaísmo. A carta está repleta de avisos sobre esse problema. Eles estavam sendo escarnecidos pelos judeus como apóstatas da lei de Deus e infiéis a Moisés. Eram acusados de abandonar a lei de Deus e de perder o direito às promessas das Escrituras do Antigo Testamento. Dessa forma, o escritor da epístola aos Hebreus não mede esforços para provar que Jesus Cristo é muito superior a qualquer coisa que tenham deixado para trás por causa dele. Nesse contexto, ele os adverte que lutem contra a negligência, a incredulidade, a desobediência, a imaturidade e a rejeição. O escritor se mantém firme, incentivando-os vigorosamente a permanecer na pista, a não desistir e a alcançar a linha de chegada pelo poder de Jesus Cristo.
Os cristãos dos dias modernos, muito provavelmente, não serão agregados à fé em Cristo com uma arraigada tradição religiosa e cultural. Entretanto, cada cristão, em alguma época ou outra, é tentado a desistir e a se perguntar: ‘Qual é o propósito da vida cristã?’ À medida que os problemas e os obstáculos aumentam, a fé parece inútil; quando as portas se fecham, parece fácil abandonar nossa corrida da fé. Hoje, também precisamos de pessoas que nos lembrem da supremacia de Jesus Cristo. Não há estímulo mais persuasivo que nos faz continuar na corrida do que fixar nossos olhos em Jesus (12.2). Como o pioneiro de nossa salvação, Cristo, conduz-nos à glória (2.10). Corremos a corrida da fé em comunhão vital com Deus mediante a oração, obedecendo à Palavra de Deus, adorando fielmente a ele e amando nossos irmãos, conhecendo e, a cada dia, servindo melhor a Jesus Cristo como nosso amigo, guia e mestre que está conosco todos os dias.”

James Reapsome

Características

Título: Hebreus
Autor: James Reapsome
Editora: Shedd Publicações
Formato: 14 x 21 cm
Páginas: 64

Humor Cristão

Olá irmãos, como formar de nos divertirmos e nos alegrarmos, estou postando estas charges com comédia cristã. Não tem obscenidade ou qualquer outra coisa que viesse a nos desmoralizar.

Para para abrir é só clicar .

Livro Apocalipse 13 – A última vitória de Satanás

Enquanto TV, jornais e revistas nos bombardeiam com notícias sobre confrontos, caos, terrorismo e pirataria, Apocalipse 13 revela outra imagem: “E toda a terra se maravilhou, seguindo a besta […] e adoraram a besta […] Deu-se-lhe ainda autoridade sobre cada tribo, povo, língua e nação […] e adorála-ão todos os que habitam sobre a terra […] Seduz os que habitam sobre a terra.”

• Quando isso vai acontecer?
• E como ocorrerá?
• Quem serão os líderes?

Este livro mostra as ações de Satanás e seus seguidores no sentido de criar paz, segurança e prosperidade para todas as pessoas do planeta Terra. Esse é o tema de “A última vitória de Satanás”. Uma revelação dinâmica sobre a nossa época!

 

O plano de Satanás para proporcionar paz e prosperidade através da sedução!

Quando acompanhamos a mídia, recebemos a confirmação de Mateus 24, onde Jesus fala de guerras e rumores de guerras, fomes e terremotos. As nações árabes estão em turbulência. Todos ouvimos e lemos reportagens sobre o pior terremoto no Japão, em mais de 140 anos. Israel continua nas manchetes da mídia global.

Somos literalmente bombardeados com esse tipo de notícias negativas a todo instante.

Mas no centro dessa comoção está acontecendo algo muito estranho e que é a preparação da Última Vitória de Satanás.

O que significa isso? Deixe-me explicar: Satanás é o grande plagiador de Deus. Ele não é o criador, mas o destruidor; não é a verdade, mas é o pai da mentira; ele não é luz, mas é a escuridão e a Bíblia nos mostra que Satanás está ciente de que lhe resta pouco tempo.

Quais são os seus planos nesse “pouco tempo”? O Apocalipse diz que o auxiliar de Satanás – o falso profeta – “seduz os que habitam sobre a terra”. Satanás está tentando desesperadamente criar uma sociedade pacífica no mundo onde as pessoas possam viver em harmonia e ter uma vida segura e próspera. Como resultado disso, o mundo todo vai pensar que a besta é, de fato, o Cristo. As pessoas adorarão o dragão, o Anticristo e a imagem da besta.

Não devemos imaginar que o processo de desenvolvimento, em direção à última vitória de Satanás, é algo que acontecerá somente no futuro, pois está em andamento desde o princípio da humanidade.

Hoje, nos últimos estágios dos tempos do fim, Satanás está demonstrando sua capacidade de sedução em todos os círculos da sociedade: da política, da economia e da religião. A última vitória de Satanás está em andamento!

É por isso que a Bíblia afirma que nós, como crentes, não podemos ignorar as intenções e os mecanismos que Satanás usa para seduzir o mundo inteiro.

“Apocalipse 13 – A Última Vitória de Satanás” é um livro que mostra os métodos que Satanás e seus comparsas estão utilizando para alcançar essa sedução global definitiva.

Sim, a última vitória de Satanás acontecerá. Ela está em operação nesse momento: isso é um fato inegável.

Mas também há uma boa notícia. Ela aparece no título: “A ÚLTIMA Vitória de Satanás”, porque para ele não haverá outra vitória além desta. Ele encontrará o Vencedor, o Qual porá um fim à sua sedução global. A Bíblia diz: “então, será, de fato, revelado o iníquo, a quem o Senhor Jesus matará com o sopro de sua boca e o destruirá pela manifestação de sua vinda” (2 Tessalonicenses 28).

Estamos oferecendo um livro baseado na Bíblia, que constitui uma fonte de informações para aqueles amigos que continuam nos ajudando a carregar a responsabilidade de proclamar a verdade de Deus para um mundo em trevas.

Veja como Apocalipse 13 mostra o sucesso de Satanás:

  • Todo o mundo seguiu a besta.
  • Todos adoraram a besta.
  • Foi-lhe dada autoridade sobre toda tribo, povo, língua e nação.
  • Todos os que habitam sobre a terra a adorarão.
  • Seduzirá a todos os que habitam sobre a terra.

Essa é a vitória incontestável de Satanás. Ela acontecerá e poderemos ficar surpresos ao descobrirmos que o processo para isso está em andamento justamente agora.

Capítulos do livro

1. O Mundo Está Condenado
2. A Maior Mentira de Satanás
3. O Ministro da Propaganda de Satanás
4. Quando o Mal é Bem e o Bem é Mal
5. O Grande Conflito Universal
6. A Fusão Política Global
7. O Domínio Romano
8. A Eficiente Sedução de Satanás
9. As Pegadas de Satanás
10. A Besta da Prosperidade
11. Como Todos Se Tornarão Um
12. A Última Vitória de Satanás
13. A Maior de Todas as Tragédias